Dragão TV

domingo, 29 de julho de 2012

Gilson Caroço é morador do SPL @Reinaldo_Cruz @19200_Gilson #19200 #VoteCaroço http://t.co/xEdES5du

Para Vereador Vote Caroço 19200 PTN





Gilson Caroço
Número:
19200





“O que vocês querem é o mesmo que eu quero, melhorias para a nossa cidade com mais educação e saúde digna para todos”.

Quem Sou?

Gilson José de Menezes, popularmente conhecido como Gilson Caroço, nasceu no dia 21 de Fevereiro de 1958, em Araxá – MG, filho de Jorge José de Menezes e Maria Augusta de Menezes, pioneiros do Setor Pedro Ludovico. Gilson Caroço é casado com Marta Maria Silva de Menezes e tem dois filhos: Gilson Júnior e Lorena Silva; é avô da pequena Beatriz.
Para Vereador Vote Caroço 19200 PTN
Gilson Caroço é morador do Setor Pedro Ludovico há 53 anos, profundo conhecedor dos problemas e necessidades, não só do bairro, mas de toda a região sul da capital. Funcionário da SANEAGO a mais de 30 anos, onde ocupa o cargo de agente administrativo.
Não queremos e não vamos fazer política na forma tradicional. Somos diferentes e queremos provar a nossa diferença. Precisamos apresentar nosso projeto para você e seus amigos, e assim ganhar a eleição com as nossas ideias.
Gilson Caroço 19200 PTN
Vamos nos diferenciar pelo conteúdo das nossas propostas, pela ética, pela honestidade e pela competência. Além do mais, como os políticos tradicionais estão sendo questionados pela sociedade, por se envolver em uma série de escândalos, irregularidades e por não cumprir responsavelmente o mandato que é do povo.
Não temos dinheiro para fazer campanha milionária, como muitos fazem em Goiânia. Estou nessa luta no peito e na raça, graças ao trabalho que sempre fiz por minha comunidade e nossa cidade.
Preciso do seu voto e de sua família para que seja eleito e possa ganhar força e meu trabalho em prol da comunidade possa continuar.
Já me considero um grande vencedor pela manifestação de apoio e confiança da comunidade, mas espero ser merecedor do seu voto para continuar a minha luta na Câmara Municipal por uma Goiânia cada vez melhor.
Tem candidato que promete lutar para construir isso ou aquilo em nossa capital, Gilson Caroço defende a ideia que é preciso primeiro é fazer funcionar a estrutura que já existe fazer com o cidadão seja atendido de forma eficiente e digna, pois não adianta edificar um hospital se o atendimento nele será precário.
Gilson Caroço 19200 PTN
A forma que isso pode ser feito é através do Plano Diretor que é tratado muitas vezes apenas para resolver questões de uso do solo ou preservação ambiental. No município, o vereador ou a vereadora, por ter maior proximidade e conhecimento dos problemas da população e das dificuldades financeiras enfrentadas, sabe quais são as prioridades e pode direcionar melhor as soluções e os recursos, tornando mais eficiente e transparente a administração.
Melhores escolas, creches para nossas crianças, habitação popular, saúde digna, transporte eficiente e etc. Todos esses temas importantes podem ser tratados através do Plano Diretor da nossa capital e será nossa bandeira na Câmara Municipal e junto com o prefeito Paulo Garcia.
Tenho certeza que o que eu quero é o mesmo que você quer. Melhorias para nossa cidade, com segurança, educação e saúde digna para todos.
Para Vereador Gilson Caroço 19200 PTN
Agradeço as pessoas que estão engajadas na campanha e convido aqueles que ainda não conhecem meu projeto para conhecer e integra-lo, venham a abraçar a minha candidatura para chegar a Câmara Municipal de Goiânia.
Se achar que sou merecedor do seu voto, conte para os seus amigos que o meu número é 19200; Que Deus, abençoe a todos!
HTTPS://twitter.com/19200_Gilson  http://www.youtube.com/user/19200GilsonCaroco/   http://www.facebook.com/gilsonmenezes.caroco
Para Vereador Gilson Caroço 19200 PTN
 

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Caso Cachoeira: Réus se calam @Reinaldo_Cruz @19200_Gilson http://t.co/oWmL0uJ3 #Vote19200 #VoteCaroço

Gilson Caroço 19200
Os sete réus chamados para prestar depoimento se recusaram a responder às perguntas do juiz; audiência terminou no início da noite
Terminou, no início da noite desta quarta-feira, a audiência na Justiça Federal de Goiás relacionada ao processo da Operação Monte Carlo, que investiga uma rede de exploração de jogos ilegais supostamente comandada pelo bicheiro Carlinhos Cachoeira.
Os sete réus chamados para prestar depoimento se recusaram a responder às perguntas do juiz Alderico Rocha Santos. Carlinhos Cachoeira também se recusou a falar sobre o processo.
Reinaldo Cruz

Oitivas

A primeira parte da audiência judicial da Operação Monte Carlo, destinada à oitiva das testemunhas de defesa e de acusação sobre o esquema criminoso do qual o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, é apontado como líder, aconteceu na parte da tarde.
Das 14 testemunhas convocadas inicialmente – quatro de acusação e dez de defesa – oito foram dispensadas ou não compareceram, todas da defesa. As quatro testemunhas de acusação, todos policiais federais, confirmaram a existência do esquema criminoso comandado por Cachoeira.
As únicas testemunhas de defesa que se manifestaram, Liezer Clementino Ribeiro e Luiz Otávio Vieira da Paixão, limitaram-se a falar da vida pregressa do réu Wladimir Garcez, ex-vereador acusado de ser o elo entre o grupo de Cachoeira e a política local.
Os advogados dos réus ainda insistiram para que o juiz Alderico Rocha autorizasse o depoimento de novas testemunhas, mas ele negou os pedidos. O primeiro réu a depor foi Lenine Araújo de Souza, um dos principais assistentes de Cachoeira segundo investigações da PF (Polícia Federal) e do Ministério Público.

Atrasos

A audiência do processo judicial da Operação Monte Carlo, que apurou esquema de exploração ilegal de jogos e de corrupção no Cenro-Oeste, começou ontem com atraso significativo no cronograma, com depoimentos de apenas duas das 14 testemunhas esperadas. O juiz chegou a pedir que os advogados e procuradores fossem mais objetivos nas perguntas para evitar discussões desnecessárias.
O processo da Operação Monte Carlo, que corre na Justiça Federal em Goiânia, tem mais de 80 réus, mas foi desmembrado em duas partes para agilizar a tramitação em relação àqueles que estavam detidos preventivamente. Atualmente, só Cachoeira e Gleyb Ferreira, um de seus assistentes, estão presos.
Os réus presos e que agora respondem em liberdade são Idalberto Matias de Araújo, José Olímpio de Queiroga Neto, Lenine Araújo de Souza, Raimundo Washington de Sousa Queiroga e Wladimir Garcez. Todos foram convocados para depor amanhã. Geovani da Silva, que tem ordem de prisão decretada, está foragido desde a deflagração da Operação Monte Carlo, no dia 29 de fevereiro e não deverá comparecer à audiência.

Parlamentares

Além do processo de Goiânia, a Operação Monte Carlo resultou em outros processos, no STF (Supremo Tribunal Federal), em relação a parlamentares com foro privilegiado, como o então senador Demóstenes Torres. Como Demóstenes teve o mandato cassado, o processo deverá ser enviado para a Justiça de primeira instância.
Gilson Caroço

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Rafael é cortado da Seleção @Paulo_Garcia_13 @Reinaldo_Cruz @19200_Gilson #19200 http://t.co/tc4PtVsg

O diretor de seleções da CBF, Andres Sanchez, anunciou ontem o corte do goleiro Rafael, do Santos, que sofreu um trauma no cotovelo direito durante o treino segunda-feira.
“A gente não esperava, não queria, temos que cortar o Rafael. Quem vai substituir o Rafael será o Gabriel. Ele vem daquela lista de 35 jogadores”, disse o dirigente. “Ele tem um futuro brilhante pela frente, [e terá] outras competições pela seleção”, acrescentou Andres.
O médico da seleção brasileira, José Luiz Runco, afirmou que Rafael sofreu um trauma no cotovelo direito durante a atividade. “Ele tinha dor, impotência funcional, nos preocupou por ser goleiro. Ele precisa de repouso para ser feito o tratamento correto”, disse Runco, afirmando que a recuperação do goleiro deve demorar entre duas e três semanas.
“Não existe um prazo definido. Se tivesse uma estrutura como uma Copa do Mundo, quando você tem três jogadores para a posição, você poderia mantê-lo. Eu não seria coerente em deixar um goleiro na reserva contundido. Só temos dois atletas para essa posição e por isso tivemos que trocá-lo”, completou.

terça-feira, 24 de julho de 2012

Goleiro Rafael é cortado da Olimpíada @Reinaldo_Cruz @19200_Gilson http://t.co/KQBJvYaX #19200 #19 #13

Começou na manhã desta terça-feira, em Goiânia (GO), a audiência com depoimentos de testemunhas de acusação do processo referente à Operação Monte Carlo, na qual o bicheiro Carlinhos Cachoeira foi preso no fim de fevereiro. O contraventor e mais sete são réus na ação penal.
O juiz Alderico Rocha Santos abriu os trabalhos na 11ª Vara da Justiça Federal de Goiânia. A previsão é de que quatro policiais federais que participaram das interceptações telefônicas da operação prestem seus esclarecimentos.
Além de Cachoeira, familiares do bicheiro acompanham o depoimento, entre eles a mulher Andressa Mendonça e o pai, Sebastião Ramos, conhecido como Tião Cachoeira. Ontem, o contraventor teve mais um pedido de liberdade negado pela Justiça.

Delação premiada

Cachoeira deve depor apenas amanhã, quando receberá da Justiça Federal de Goiás uma oferta de delação premiada.
Os juízes querem aproveitar as alegações da defesa de saúde debilitada e o prazo já longo da prisão preventiva para garantir o benefício que assegura ao réu o direito à redução de pena em troca de informações úteis ao processo.
A hipótese vinha sendo descartada pelos advogados até o mês passado, mas as sucessivas derrotas do contraventor para conseguir a liberdade na Justiça - sete no total - podem mudar a estratégia da defesa. “Ainda vamos conversar a respeito”, esquivou-se a advogada do bicheiro, Dora Cavalcanti.

Em depoimento, um policial diz que o agente morto em Brasília teria sido abordado por PM’s ligados a Cachoeira na operação Monte Carlo
Um policial federal afirmou nesta terça-feira, em depoimento à Justiça Federal em Goiânia, que o agente da Polícia Federal assassinado na semana passada em Brasília, havia sido abordado por PMs ligados ao grupo de Carlinhos Cachoeira durante a Operação Monte Carlo.
Wilton Tapajós Macedo foi morto no Cemitério Campo da Esperança, em Brasília, enquanto visitava o túmulo dos pais. Segundo o depoente havia policiais que recebiam valores mensais do grupo do contraventor. E que além disso foram identificados casos de pagamento de propina a policiais civis e até a tentativa de obter informações da Força Nacional de Segurança.


A Polícia Civil e a Polícia Federal abriram investigação para apurar a morte do agente federal.


segunda-feira, 23 de julho de 2012

Vila Nova goleia e chega a vice liderança @Reinaldo_Cruz @19200_Gilson http://t.co/KQBJvYaX #19200 #19

O Vila Nova voltou a convencer o seu torcedor, neste domingo. Depois de duas rodadas sem vitórias na Série C do Campeonato Brasileiro, o time goiano foi seguro e goleou o Duque de Caxias, por 4 a 1, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO), pela quinta rodada. O destaque desta partida foi Pedro Júnior, que marcou dois gols.
Com esta vitória, a equipe colorada, agora com sete pontos, pulou para a segunda colocação do Grupo B, que tem como líder o Madureira, com três tentos a mais. Os goianos, que ainda vivem fase política e administrativa muito instável, voltam a campo no próximo sábado, às 16h (de Brasília), contra o lanterna Tupi, também no Serra Dourada.
Já o Duque de Caxias estacionou nos três pontos e amarga a penúltima colocação da chave, na zona de rebaixamento à Série D de 2013. Também no sábado, no mesmo horário, o time tricolor tenta a reabilitação diante da Chapecoense, no Estádio Marrentão, em Duque de Caxias (RJ).
Aos 23min do primeiro tempo, Pedro Júnior abriu o placar para os mandantes. As redes só voltaram a balançar aos 20min da etapa complementar, com Rafael Vaz. Pedro Júnior, mais duas vezes, aos 24min e aos 35min, fechou a conta para o Vila Nova e decretou a goleada. Já aos 43min, Charles descontou para os cariocas.
O que vocês querem é o mesmo que eu quero, melhorias para nossa cidade.
Quem também venceu foi o Fortaleza, que, no entanto, não teve a mesma tranquilidade. No sufoco, o time tricolor derrotou o Salgueiro, por 2 a 1, no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE). Com este resultado, os cearenses se aproximaram do G4, que garante vaga na próxima fase do Nacional, euquanto a equipe pernambucana fica próximo à zona de rebaixamento.
Veja todos os resultados deste domingo:

Fortaleza 2x1 Salgueiro
Luverdense 2x1 Icasa
Vila Nova 4x1 Duque de Caxias
Chapecoense 1x1 Macaé

Fonte: Gazeta Esportiva

Assuntos de Goiás TV

Pesquisar este blog

Seguidores

Redes Sociais